Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Agricultura

Projeto Plantar: mais de 800 hectares de áreas foram cadastradas para recuperação em Rondônia


Projeto Plantar: mais de 800 hectares de áreas foram cadastradas para recuperação em Rondônia - Gente de Opinião

O resultado do trabalho de mobilização dos técnicos e colaboradores do Centro de Estudos Rioterra foi motivo de comemoração nesta semana durante reunião de alinhamento para a próxima fase do projeto Plantar Rondônia. Isso porque, nesta primeira fase, cerca de 80% da meta de Recuperação de Áreas Degradadas (RADs) para o primeiro ano foi alcançada, com mais de 800 hectares cadastrados em mais de 500 propriedades da agricultura familiar.

O resultado, reforça Alexis Bastos, coordenador de Projetos da organização, é um sucesso diante das dificuldades em se executar um projeto deste porte, levando em consideração aspectos de logística, acesso às propriedades e o trabalho de aproximação feito junto a cada agricultor e agricultora familiar. “E isso só foi possível por conta da dedicação de cada técnico que se empenhou nas visitas, nas reuniões de mobilização e nos mutirões realizados ao longo desses meses. Temos orgulho da equipe comprometida que construímos”, parabeniza Bastos.

São 12 municípios atendidos pelo projeto: Itapuã do Oeste, Cujubim, Machadinho D’Oeste, Rio Crespo; Ariquemes; Jaru, Ouro Preto do Oeste; Ji-paraná; Presidente Médici, Castanheiras, Novo Horizonte do Oeste e Rolim de Moura.

Durante a semana de alinhamento, as equipes discutiram e definiram a logística da próxima fase, que iniciará em junho com a entrega de materiais para isolamento  – caso de propriedades com atividade de pecuária – e reparo de áreas. Na fase seguinte, entre novembro e janeiro, haverá a distribuição e plantio das mudas.

Assistência técnica e extensão rural

Todas as famílias cadastradas já contam com a assistência técnica e extensão e recebem orientação quanto aos cultivos existentes na propriedade. O trabalho é pautado por práticas agroecológicas para melhorar a produção e reduzir a utilização de defensivos ou adubos químicos, sempre priorizando soluções orgânicas e naturais. Essas técnicas não só reduzem os custos da produção, mas melhoram questões ligadas a segurança alimentar das famílias.

O Plantar é um projeto pioneiro no país, realizado pelo Centro de Estudos Rioterra, em cooperação com a Ação Ecológica Guaporé – Ecoporé e Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia, em parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental – Sedam e apoio financeiro do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES através do Fundo da Amazônia.

Mais Sobre Agricultura

Cafés Robustas finos chegaram para ficar

Cafés Robustas finos chegaram para ficar

Até pouco tempo considerados cafés de segunda linha, daqueles que serviam apenas para baratear blends ou matéria-prima para a indústria de solúveis, o

90 toneladas de calcário: Prefeitura atende produtores rurais de três associações em Vilhena

90 toneladas de calcário: Prefeitura atende produtores rurais de três associações em Vilhena

Mais de 30 propriedades usarão as 90 toneladas de calcário entregues pela Prefeitura de Vilhena e pela Seagri (Secretaria de Estado de Agricultura) ne

Prefeitura entrega tratores para fomentar a agricultura familiar em Castanheiras

Prefeitura entrega tratores para fomentar a agricultura familiar em Castanheiras

A Prefeitura de Castanheiras (RO), entregou no sábado, dia 28, no Distrito de Jardinópolis, três tratores para atender produtores rurais do município.

Programa Escola Viva: Alimentos da agricultura familiar garantem merenda de qualidade nas escolas do município de Cacoal

Programa Escola Viva: Alimentos da agricultura familiar garantem merenda de qualidade nas escolas do município de Cacoal

Frutas, verduras, legumes e outros alimentos incrementam ainda mais a merenda escolar dos alunos das 24 escolas urbanas e rurais de Cacoal. As criança