Porto Velho (RO) sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020
×
Gente de Opinião

Piscicultura

Tambaqui de Rondônia conquista Brasília


Tambaqui de Rondônia conquista Brasília - Gente de Opinião

Cerca de 6 toneladas de peixe da espécie Tambaqui foram assadas, na brasa, nesta quarta-feira, 07, no gramado da Esplanada dos Ministérios, em Brasília, em uma ação de marketing para promoção do pescado rondoniense. O evento foi denominado 1º Festival Tambaqui da Amazônia.

 

O esforço dos parceiros envolvidos na ação conseguiu mobilizar o presidente da república Jair Bolsonaro, ministros, deputados federais, deputados estaduais e os governadores de Rondônia Marcos Rocha, do Distrito Federal Ibaneis Rocha, do Amazonas Wilson Miranda, autoridades de diversas instituições, além de mostrar para a população de Brasília o sabor e a textura deste peixe amazônico.

 

Os moradores do Distrito Federal trocaram um quilo de alimento não perecível por uma banda de Tambaqui assado. O alimento foi embalado em uma caixa preparada para o evento.

 

JAIR BOLSONARO

Na noite anterior ao Festival, um jantar foi oferecido às autoridades e contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro. Além de degustar o peixe típico de Rondônia, o presidente também recebeu um kit com o artesanato de um peixe entalhado em madeira e vários presentes dos parceiros da ação.

 

MINISTRA AGRICULTURA

Ao discursar na cerimônia de abertura do Festival Tambaqui da Amazônia, a ministra da Agricultura Tereza Cristina, que no ato estava licenciada, destacou a necessidade de incentivos do Governo Federal para o aumento da produção do pescado de cultivo, ressaltando as qualidades do Tambaqui. “Com a ação realizada aqui em Brasília, o Tambaqui deixa de ser apenas de Rondônia, da Amazônia. Agora é o Tambaqui do Brasil”, disse na solenidade.

 

O secretário nacional de Aquicultura e Pesca Jorge Seif Junior também ressaltou o trabalho em conjunto do Ministério da Agricultura com os produtores de peixes de Rondônia. “Nós conhecemos e comemos peixes de outros países, e, agora chegou a vez de o brasileiro conhecer esse peixe delicioso, que é o Tambaqui”, acrescentou.

 

PARCEIROS

O 1º Festival Tambaqui da Amazônia contou com o apoio de parceria dos seguintes parceiros: Associação dos Criadores de Peixes de Rondônia (ACRIPAR), Zaltana Pescados, Agrofish Nova Aurora, Lions Clube Ariquemes Canaã, Governo de Rondônia e a Secretaria de Agricultura de Rondônia, Superintendência de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura de Rondônia (Sedi) Superintendência Estadual de Comunicação de Rondônia, Sebrae, Emater/RO, Credisis Crediari, Governo do Distrito Federal, Emater/DF e Governo Federal.

 

CENÁRIO DO PEIXE

As estimativas do setor aquícola apontam para uma produção de cerca de 90 mil toneladas de peixes ao ano, contando com cerca de 5 mil piscicultores e a movimentação financeira da cadeia produtiva do pescado movimentou cerca de R$ 500 milhões em 2018.

Tambaqui de Rondônia conquista Brasília - Gente de Opinião

Mais Sobre Piscicultura

Criação de peixes tem apoio do projeto Piscicultura no Estado de Rondônia

Criação de peixes tem apoio do projeto Piscicultura no Estado de Rondônia

Rondônia é o maior produtor brasileiro de tambaqui e pirarucu em tanque escavado, sendo o Vale do Jamari e a Região Central de Rondônia são os p

Piscicultores querem atrair investimentos na industrialização em 2020

Piscicultores querem atrair investimentos na industrialização em 2020

A industrialização do pescado para conquistar novos mercados foi um dos temas que orientou o “Dia de Campo” promovido pelo Sebrae e pela Associação de

Tambaqui - Rondônia tem potencial para fornecer 45 toneladas/mês ao mercado paulista

Tambaqui - Rondônia tem potencial para fornecer 45 toneladas/mês ao mercado paulista

Depois de ajustar com o Diretor presidente da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), Johnni Hunter Nogueira, para o di

Em Tefé, 15º Feira do Pirarucu Manejado terá 100 peixes à venda neste fim de semana

Em Tefé, 15º Feira do Pirarucu Manejado terá 100 peixes à venda neste fim de semana

Foi na região do Médio Solimões, na Amazônia Central, que foi implementado o primeiro Plano de Manejo de Pirarucu do País. A espécie, que se encontr