Porto Velho (RO) terça-feira, 4 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Pecuária

Projeto de Lei que muda o valor do abate de bovinos é aprovado

"Não é justo que os pequenos e os grandes abatedouros paguem a mesma taxa independentemente da quantidade de animais abatidos", afirma deputado Crispin


Projeto de Lei que muda o valor do abate de bovinos é aprovado - Gente de Opinião

O Projeto de Lei Complementar 030/19, de autoria do deputado Ismael Crispin (PSB), foi aprovado durante sessão ordinária, nesta semana, e acrescenta dispositivos na Lei Complementar n°479/10 estabelecendo nova taxa de abate por cabeça, que será de 0,6% do valor da UPF/RO independentemente da quantidade de bovinos e bubalinos para o abate. 

“Agora o empresário, dono de abatedouro vai pagar de forma proporcional pelo abate do seu animal. Estamos fazendo justiça com quem trabalha e ajuda no desenvolvimento e no progresso de Rondônia “, enalteceu Crispin. 

O deputado destaca que foi procurado por representantes do terceiro setor, que vinham conversando e propondo uma nova construção política para o desenvolvimento do setor, sendo necessária a proporcionalidade adequada na implantação da taxa cobrada para o abate desses animais. “ Sabemos da grande necessidade de atender os pequenos abatedouros e frigoríficos dentro de suas margens de abatimento animal. Não é justo que os pequenos, como os grandes abatedouros paguem a mesma taxa independentemente da quantidade de animais abatidos”, frisou. 

O parlamentar defendeu a aplicação dessa proporcionalidade em sentido estrito, onde se faça uma análise quanto à adequação da medida, a sua necessidade, e a proporcionalidade. “ Temos que ser igualitários no sentido de aplicarmos os princípios dentro da proporcionalidade adequada para cada abatimento de bovinos e bubalinos”, pontuou. 

Através das GTAs, o governo de Rondônia atende os proprietários de bovinos, bubalinos ou peixes, tanto para abate, engorda ou reprodução. Em 2016 foram emitidos cerca de 1.067 documentos para bovinos destinados para o abate em frigoríficos; em 2017 o número de emissão subiu para 2.636, em 2017 alcançou 7.027. 

O Projeto de Lei agora segue para sanção do governador Marcos Rocha (PSL).

Mais Sobre Pecuária

Circuito Nelore já avaliou mais de 5.000 animais em 2020

Circuito Nelore já avaliou mais de 5.000 animais em 2020

O Circuito Nelore de Qualidade segue com resultados expressivos em 2020. Após a realização de oito etapas em quatro estados brasileiros (AC, MS, MT e

Circuito Nelore de Qualidade avalia 378 animais em Porto Velho (RO)

Circuito Nelore de Qualidade avalia 378 animais em Porto Velho (RO)

A Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB) e a Associação dos Criadores de Nelore de Rondônia (ACNR) divulgaram os resultados da primeira e

Laticínios estão proibidos de ampliar prazo para pagamento do leite

Laticínios estão proibidos de ampliar prazo para pagamento do leite

Lei 4.807/20, de autoria do deputado estadual Lazinho da Fetagro (PT), que proíbe os laticínios de ampliarem o prazo para pagamento do leite aos pro

Etapa de Porto Velho (RO) do Circuito Nelore de Qualidade será a primeira do ano na região Norte

Etapa de Porto Velho (RO) do Circuito Nelore de Qualidade será a primeira do ano na região Norte

Pela primeira vez no ano, a região Norte sedia etapa do Circuito Nelore de Qualidade. Programada para os dias 22 e 23 de junho, na unidade da Fr