Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Eleições 2018

Milhares pedem Lula Livre em festival no Rio


Milhares pedem Lula Livre em festival no Rio - Gente de Opinião

247 – Acompanhe, ao vivo, o festival Lula Livre, que reúne grandes artistas e milhares de pessoas, nos Arcos da Lapa, no Rio de Janeiro, em defesa da liberdade de Lula.  Carlos Negreiros, Gang 90, Ana Canãs, Alba Maria, Gabriel Moura, Lisa Milhomem, Dorina são alguns dos cantores que já subiram ao palco para cantar e pedir a liberdade de Lula no Festival Lula Livre que acontece durante este sábado, 28 de julho, nos Arcos da Lapa, na cidade do Rio de Janeiro. Também a atriz Lucélia Santos subiu ao palco para ler um Manifesto assinado por artistas de todo país por Lula Livre, que aponto o erro jurídico que levou Lula à prisão sem provas. “Queremos liberdade já!” e “Inadmissível é impedir que Lula seja candidato”. enfatizou Lucélia. O povo em coro bradou: “Lula!”. Os shows continuam. São mais de 40 artistas se apresentando, cantando músicas que exaltam a liberdade.

 Leia, ainda, o Boletim da Resistência Democrática:

1. A menos de três meses das eleições, Lula é o líder disparado das pesquisas e seria eleito no primeiro turno com 41% dos votos, de acordo com pesquisa CUT/ Vox Populi realizada entre os dias 18 e 20 de julho e divulgada nesta quinta-feira (26). Nas simulações de segundo turno, Lula também derrotaria qualquer adversário com no mínimo 50% dos votos, mais que o triplo dos outros candidatos. Saiba mais: http://www.pt.org.br/cut-vox-com-41-das-intencoes-de-voto-lula-segue-imbativel/

2. No cenário estimulado, quando os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados, as intenções de voto em Lula aumentaram para 41%, contra 39% registrado em maio. Já a soma de todos os outros adversários alcançou 29%, segundo o levantamento CUT/Vox Populi. E na pesquisa espontânea, Lula também cresceu e está bem na frente dos demais candidatos. O ex-presidente passou de 34% para 37%, enquanto o segundo colocado permaneceu com 10% das intenções de voto.

3. A pesquisa eleitoral Vox Populi/CUT, divulgada hoje (26), empolgou Lula e deu mais energia para que ele continue enfrentando as adversidades do cárcere. O relato foi feito pela senadora e presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, após visita ao ex-presidente. "Ele me disse que o faz manter a resistência é essa esperança do povo brasileiro de tê-lo de novo presidente da República", disse.
Saiba mais: http://www.pt.org.br/resultados-da-pesquisa-vox-populi-empolgaram-lula-diz-gleisi/

4. O eurodeputado Roberto Gualtieri, do Parlamento Europeu, visitou Lula nesta quinta-feira (26). Após o encontro, o parlamentar criticou duramente a sentença de Sergio Moro sobre o tríplex. "Fiquei chocado com a ausência de provas e de culpa. Não é possível não pensar que tenha sido escrita com motivação política", afirmou. Gualtieri disse ainda ser "muito preocupante para a democracia brasileira e para a imagem do Brasil no mundo que Lula não seja candidato por conta dessa sentença.
Saiba mais: https://ptnacamara.org.br/portal/2018/07/26/eurodeputado-roberto-gualtieri-critica-prisao-arbitraria-de-lula/ images cms-image-000599480

5. No encontro, o deputado também entregou a Lula uma carta conjunta assinada pelo presidente do Partido Socialista Europeu e do presidente do grupo do Parlamento Europeu, além de uma carta do líder de seu partido, o Partido Democrata italiano, e saudações e abraços de cinco ex-presidentes do conselho italiano

6. Um grupo de 29 congressistas americanos, incluindo o senador Bernie Sanders, que foi pré-candidato à presidência dos Estados Unidos em 2016, em carta dirigida ao governo brasileiro nesta quinta-feira (26), denuncia a prisão política de Lula, com base em "acusações não comprovadas" em um julgamento "altamente questionável e politizado". Na carta, Lula é qualificado como "o principal candidato presidencial" para as eleições de outubro.

Saiba mais: https://lula.com.br/exclusivo-leia-a-carta-de-bernie-sanders-e-mais-28-parlamentares-dos-eua-que-querem-lula-livre/

7. A presença feminina continuou forte na Vigília # Lula Livre nesta quinta, com a chegada de um grupo de militantes da CUT São Paulo. O "boa tarde" ao ex-presidente foi puxado por Cida Trajano, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria do Vestuário, que pediu unidade na luta pela libertação de Lula. Foi realizada ainda uma roda de conversa sobre "Classe, Gênero e Raça", coordenada pela secretária de Combate ao Racismo da CUT Nacional, Júlia Nogueira.

Boletim 158 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 26/7/2018 – 20h015

Duração: 2 horas, 36 minutos e 47 segundos | Visualizações: 39.239

Mais Sobre Eleições 2018

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Nesta quinta-feira, 8 de novembro, acontecerá a votação para eleger a nova diretoria do Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais de Ron

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) atacou a Folha de S. Paulo nesta segunda-feira, 29, em entrevista ao Jornal Nacional; em discurso acalorado, Bo