Porto Velho (RO) terça-feira, 12 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Eleições 2018

Eunício: 'Jamais me decepcionarei com a democracia'


O presidente do Senado, Eunício Oliveira, afirmou ontem, terça-feira (9), que o resultado das eleições do último domingo fortaleceu a democracia e representou "a escolha livre e soberana do eleitor brasileiro". O índice de renovação no Senado foi de 85% — ou seja, 46 dos 54 cargos em disputa.

— O eleitor tomou uma posição de renovar o Congresso. A democracia é bela porque é assim. Por exemplo: eu perdi as eleições por 0,16% dos votos, em um colégio eleitoral de 6,2 milhões de eleitores. Isso é natural. Eu jamais me decepcionarei com a democracia. Ela é exatamente isso: a escolha livre e soberana do eleitor brasileiro.

Para Eunício, o resultado adverso “é natural no regime democrático”. O senador voltou a dizer que, a partir de fevereiro de 2019, vai se “recolher à vida pessoal”.

Sobre a disputa em segundo turno das eleições presidenciais, ele afirmou que, independentemente do resultado das eleições, pretende estar em Brasília no dia 1º de janeiro de 2019 para dar posse ao futuro chefe do Poder Executivo.

— A população tinha vários candidatos e escolheu dois para o segundo turno. Quem vencer tem que ter equilíbrio para harmonizar o Brasil, que está muito atritado. A democracia não permite a intolerância. Ela permite a convergência na divergência. Eu estarei aqui de plantão no dia 1º de janeiro de 2019 para dar posse ao novo presidente da República, seja o ex-ministro Fernando Haddad (PT), seja o deputado Jair Bolsonaro (PSL) — afirmou.

Mais Sobre Eleições 2018

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Nesta quinta-feira, 8 de novembro, acontecerá a votação para eleger a nova diretoria do Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais de Ron

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) atacou a Folha de S. Paulo nesta segunda-feira, 29, em entrevista ao Jornal Nacional; em discurso acalorado, Bo