Porto Velho (RO) terça-feira, 19 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Eleições 2018

Dilma rebate Marina Silva: sempre foi dissimulada, agora difama


Dilma rebate Marina Silva: sempre foi dissimulada, agora difama  - Gente de Opinião

Minas 247 - A presidente deposta pelo golpe e candidata ao Senado pelo PT de Minas Gerais, Dilma Rousseff, rebateu na noite deste sábado 1º, pelo Twitter, declaração feita pela presidenciável Marina Silva, da Rede Sustentabilidade, que afirmou que Dilma e Temer eram "farinha do mesmo saco".

"De tanto se esconder e se omitir dos problemas do país, a ex-senadora Marina Silva, que sempre foi dissimulada, agora difama. Fui vítima de um golpe cometido por uma aliança acusada de corrupção e gravada querendo o golpe para 'estancar a sangria'", postou Dilma.

"Um golpe e um governo golpista que a ex-senadora Marina nega existir, mas que apoiou e continua apoiando. Fui vítima do golpismo do senador Aécio Neves, que não soube perder a eleição. Candidato apoiado pela ex-senadora Marina, que lutou para elegê-lo, mesmo o conhecendo bem", continuou.

"Por isso, as avaliações da ex-senadora procuram esconder sua notória omissão e seus equívocos políticos. Assim, não lhe reconheço qualquer autoridade política e ética para me avaliar", completou a presidente deposta.

Durante entrevista no Jornal Nacional, na última quinta-feira, Marina foi questionada sobre seu posicionamento a respeito do impeachment que tirou Dilma do poder. Marina respondeu: "Dilma e Temer são farinha do mesmo saco e angu do mesmo caroço. Ambos cometeram os mesmos crimes".

Duração: 16 segundos | Visualizações: 155

Mais Sobre Eleições 2018

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Nesta quinta-feira, 8 de novembro, acontecerá a votação para eleger a nova diretoria do Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais de Ron

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) atacou a Folha de S. Paulo nesta segunda-feira, 29, em entrevista ao Jornal Nacional; em discurso acalorado, Bo