Porto Velho (RO) terça-feira, 12 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Eleições 2018

Campanha #EleNão se espalha pela indústria cultural no exterior como #NotHim


Campanha #EleNão se espalha pela indústria cultural no exterior como #NotHim - Gente de Opinião

 247 - A campanha #EleNão se internacionaliza e vai ganhando destaque na imprensa internacional, ganhando a adesão de artistas estrangeiros. As agências Bloomberg, BBC e Guardian destacaram a campanha em suas homes no final de semana, informa o jornalista Nelson de Sá do jornal Folha de S. Paulo. Ele destaca a republicação de um artigo originalmente publicado no The New York Times, de autoria da jornalista brasileira Carol Pires, via Twitter, que ajudou a espalhar a campanha entre celebridades também no exterior.

Segundo a reportagem, "a Billboard, referência da indústria fonográfica, reportou que cantoras como a inglesa Dua Lipa, do hit 'New Rules', e as americanas Kehlani e Nicole Scherzinger, esta ex-Pussycat Dolls, recorreram à hashtag —que a revista verteu como 'not him'. De Nicole: 'Levantem-se por Igualdade, Respeito e Amor'."

Nelson de Sá acrescenta que "também se incorporaram à campanha nomes dos EUA como a drag queen Shangela, o DJ Diplo e o vocalista da banda Imagine Dragons, Dan Reynolds, que acrescentou: 'Isso não representa o Brasil que eu conheço e amo'."

E ainda destaca: "a atriz americana Madeline Brewer, de The Handmaid's Tale, em ação divulgada pelo próprio site da série no Brasil, também tuitou a hashtag e acrescentou: 'Todo o meu amor para o Brasil e a minha força para vocês na sua luta'."

Mais Sobre Eleições 2018

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Sindafisco elege nova diretoria nesta quinta-feira, 8/11

Nesta quinta-feira, 8 de novembro, acontecerá a votação para eleger a nova diretoria do Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais de Ron

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Bolsonaro detona Folha no Jornal Nacional

Presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) atacou a Folha de S. Paulo nesta segunda-feira, 29, em entrevista ao Jornal Nacional; em discurso acalorado, Bo