Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Lente Crítica

CPI dos consignados na Assembleia Legislativa


CPI dos consignados na Assembleia Legislativa - Gente de Opinião
CPI dos consignados na Assembleia Legislativa - Gente de Opinião
 CPI dos consignados na Assembleia Legislativa - Gente de Opinião

 
Roubalheira envolve família do governador,
diz Hermínio no fórum de combate a corrupção

 

O presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, deputado Hermínio Coelho (PSD) foi o único político presente no fórum de combate à corrupção em Rondônia, promovido pela Faculdade Católica de Rondônia em parceria com o Ministério Público Estadual. Durante os debates, o presidente da ALE disse que lamentavelmente a crise financeira do Estado é decorrente da corrupção, pois a bandalheira atinge grande parte da família do governador Confúcio Moura.
 

O fórum de combate à corrupção em Rondônia teve como temática o debate sobre os avanços, desafios e novas perspectivas. A abertura coube ao arcebispo emérito Dom Moacir Grechi. Estiveram presentes representantes da seccional de Rondônia da Ordem dos Advogados do Brasil, Superintendência Regional da Polícia Federal, Controladoria Geral da União, Tribunal de Contas da União e Ministério Público Estadual.
 

O representante da Igreja Católica Dom Moacir, disse ser preciso maior transparência das despesas e um controle eficaz por parte do Governo Estadual. Ele defendeu ainda o fim das emendas parlamentares como forma preventiva de combate a corrupção. O chefe do Ministério Público, procurador Héverton Alves de Aguiar destacou a depravação moral como sustentação da corrupção. O superintendente da Polícia Federal em Rondônia, delegado Donizete Tambani fez um retrospecto de todas as operações policiais desencadeadas pelo órgão a partir de 2006, ressaltando o número de prisões e dos montantes desviados dos cofres públicos.
 

Ao responder a questionamentos de acadêmicos do Curso de Direito da Faculdade Católica de Rondônia, o deputado Hermínio Coelho disse ser preciso entender que a coisa pública deve estar comprometida com o bem-estar público. Ele complementou: “minha vida política tem sido pautada pela total intolerância contra a corrupção, mesmo que seja incompreendido por alguns”.
 

De acordo o deputado Hermínio Coelho o rombo acontece hoje a luz do dia, e chega-se a triste realidade que a maracutaia estege mesmo sem controle. Ao responder sobre a crise financeira do Estado, ele destacou a corrupção generalizada nos diferentes escalões do Governo Estadual, e destacou: “Estamos reunindo provas de toda esta roubalheira, e com certeza envolve grande parte da família do governador Confúcio Moura. A crise é uma realidade, mas tenho lutado para que pelo menos não se roube tanto. Esses políticos precisam criar vergonha na cara, pois muitas pessoas padecem e outras já morreram em consequência desta roubalheira. Agora é preciso ser entendido que qualquer medida a ser adotada deve contar com o apoio de pelo menos dezesseis parlamentares”.
 

Mais Sobre Lente Crítica