Porto Velho (RO) terça-feira, 18 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Eleições 2014

Bancadas estadual e federal do PMDB mineiro prestam apoio a Dilma e Temer



Iolando Lourenço
Agência Brasil

As bancadas estadual e federal do PMDB de Minas Gerais estiveram reunidas ontem (8) com o vice-presidente da República e presidente do partido, Michel Temer, para reforçar o apoio à reeleição da presidenta Dilma Rousseff e do vice Michel Temer. Os deputados entregaram a Temer uma carta dirigida à presidenta “reafirmando o apoio a sua candidatura no mandato de 2015 a 2018”.

Na carta, os deputados ressaltam a adesão ao projeto Mais Mudanças apresentado por Dilma Rousseff, “reconhecendo que a história do país não registra outro período de tão relevante resgate social como o ocorrido no Brasil de 2003 à presente data”. Os deputados também falam, na carta, da confiança em que o Brasil “sob seu comando, em novo mandato, prosseguirá firme em sua caminhada para a democracia plena, em que convivam amplamente as liberdades, os direitos e as igualdades sociais”.

Durante a reunião, na presidência do PMDB, os deputados estaduais e federais de Minas elogiaram o governo da presidenta Dilma, ressaltando que o Brasil e Minas Gerais têm avançado muito e que o atual governo tem feito muito pelo estado. Temer agradeceu o apoio e disse aos peemedebistas que está trabalhando intensamente em todo o país para ganhar um novo mandato e continuar trabalhando pelo Brasil.

Ao falar com os jornalistas, Michel Temer disse que o crescimento de Aécio Neves, no segundo turno, era esperado. "O Aécio teve uma exposição muito grande até com a ascensão surpreendente que teve. A primeira ideia é que ele não iria para o segundo turno, e foi. Então, isso cria uma onda como foi criada no tempo da Marina [Silva]. A primeira onda é de grande crescimento”, disse.

Temer ressaltou que o gesto dos deputados mineiros foi muito significativo e demonstra unidade da bancada. “[A bancada mineira] trouxe uma coisa extraordinária, a assinatura de todos os deputados federias e estaduais para dizer que nós estamos com vocês”, e completou: “Nós temos duas semanas, e vocês verificaram como as coisas no Brasil todo se modificaram muitas vezes na última semana, e, às vezes, nos últimos três dias. Então, temos que esperar a pesquisa real e verdadeira, que é a pesquisa do dia 26 de outubro”, disse.

Mais Sobre Eleições 2014

65 milhões de panettones foram produzidas para Natal 2014

A produção dos panettones da Visconti está a todo vapor desde setembro de 2014 e junto com as outras marcas da Pandurata, espera encerrar o ano com 65

TSE registra 290 milhões de acessos no período eleitoral

  Da Agência Brasil O número é 974% maior que o registrado no período não eleitoral, quando a média fica em torno de 27 milhões de acessos. De acordo

No Jornal da Record: Dilma diz que 'mercado vai acalmar' e propõe diálogo

No Jornal da Record: Dilma diz que 'mercado vai acalmar' e propõe diálogo

247 - Um dia depois da disputa pelo segundo turno, em sua primeira entrevista após a vitória, a presidente reeleita Dilma Rousseff (PT) afirmou, nesta

Confúcio mira na saúde anuncia Hospital do Câncer da Amazônia

Confúcio mira na saúde anuncia Hospital do Câncer da Amazônia

  O anúncio feito na manhã desta segunda-feira (27) durante coletiva de imprensa pelo governador reeleito Confúcio Moura (PMDB) que foi aplaudido por