Porto Velho (RO) terça-feira, 11 de dezembro de 2018
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Preço da alimentação fora de casa, em PVH, tem aumento de 1,01% em junho


A pesquisa do preço da alimentação fora de casa, servida em restaurantes na cidade de Porto Velho, constatou um aumento de 1,01% no preço médio durante o mês de junhoem comparação com o mês demaio. O preço médio do quilo de comida pronta foi de R$ 34,41, ante R$ 34,07do mês anterior. No comparativo com junho de 2017, o preço médio teve uma redução de 0,06%, quando o quilo custava, em média, R$34,43.

Os preços se mantiveram em vinte e oito restaurantes, ou seja, 90,3% dos estabelecimentos pesquisados não alteraram seus preços.Vinte e um estabelecimentos pesquisados praticam preços mais acessíveis, entre R$18,00 e R$35,00 e dez restaurantes praticam preços entre R$35,00 e R$75,00.

Desde o início do ano, a variação acumulada geral ficou em 2,91%. Os restaurantes mais populares, com preços entre R$18,00 e R$35,00 tiveram acréscimo no acumulado dos últimos seis meses, com aumento de 3,65% em seus preços. Os demais restaurantes, que praticam preços entre R$35,00 e R$75,00 tiveram variação acumulada positiva em 2,84%.
 
Marmitex
O preço médio do Marmitex ficou em R$ 11,95, tendo um aumento no preço de 1,6% quando comparado com o mês de maio.

O levantamento foi feito entre os dias 25 e 29 de junho em 31 estabelecimentos comerciais do ramo de restaurantes que vendem comida por quilo em vários pontos da cidade.

Mais Sobre Economia - Nacional

IR 2018 - Receita libera hoje consulta a sétimo lote de restituição

IR 2018 - Receita libera hoje consulta a sétimo lote de restituição

A partir das 9 horas de hoje (10), a Receita Federal disponibiliza para consulta o sétimo lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Fís

  Com exceção da Região Norte, extrema pobreza no Brasil aumenta e chega a 15,2 milhões de pessoas em 2017

Com exceção da Região Norte, extrema pobreza no Brasil aumenta e chega a 15,2 milhões de pessoas em 2017

O número de pessoas na faixa de extrema pobreza no Brasil aumentou de 6,6% da população em 2016 para 7,4% em 2017, ao passar de 13,5 milhões para 15

O Brasil vai  decolar em 2019 ? - A atual posição do STF sobre a Contribuição Sindical

O Brasil vai decolar em 2019 ? - A atual posição do STF sobre a Contribuição Sindical

O Brasil vem se recuperando da maior crise econômica da sua história. De 2014 a 2016, o PIB encolheu no acumulado 8,1%. O país ficou doente. A recup

BRILHA, MAIS UMA VEZ, A ESTRELA DE TADROS, ELEITO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO DO SEBRAE NACIONAL

BRILHA, MAIS UMA VEZ, A ESTRELA DE TADROS, ELEITO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO DO SEBRAE NACIONAL

Pela primeira vez um dirigente empresarial da Amazônia passa a influir na direção política dos Micros e Pequenos Empresários. O Presidente da Confe